Marco das Três Fronteiras e um Pôr do Sol inesquecível

by Bruno Marangoni – 8 min de leitura

Define-se por surpreendente. Não pela mera expressão que a palavra quer dizer, mas sim que não imaginávamos o quão incrível tinha se tornado o novo Marco das Três Fronteiras.

Eu e a Palominha havíamos ido ano passado, mas não estava pronto como está hoje (e talvez algum de vocês também já o tenham visitado antes desta revitalização). Havia sido legalzinho. Ficamos ali sentados por cerca de 1 hora e logo fomos embora.

Mas, agora que havíamos nos programado para ir gravar nosso primeiro quadro para o nosso canal do Youtube chamado “Fala Aí Turista” (vídeo será postado sexta-feira, dia 24/02, aguardem!), realmente nos surpreendemos com o que encontramos. Chegamos por volta das 18h e saímos de lá às 21h (só não ficamos mais por quê estávamos exaustos decorrente do dia de trabalho).

Só para vocês terem noção, a empresa que detém a concessão (que tem um período de 15 anos) investirá o total de 27 milhões de reais! É muita grana, ou seja, vimos a representação desse montante na bela estrutura que encontramos lá.

O Marco das Três Fronteiras fica só a 7 km do centro da cidade (14 min de taxi). Chegando lá, você se depara já com um estacionamento amplo e bem sinalizado que fica de frente com o Rio Paraná e o Paraguai. Dali, já é possível, ter uma ideia da vista sensacional do lugar.

Logo adiante há uma bela escadaria com acesso para cadeirantes na lateral (super suave) e uma bela fachada que possui um arquitetônico magnífico inspirado no período das Reduções Jesuíticas. Estas Reduções foram ações onde o Império Espanhol tinha um grande interesse em tomar propriedade da Bacia da Platina e, através dos Padres Jesuítas, passou a evangelizar os indígenas da região (onde, especificamente 30 delas ocorreram na região, inclusive no Uruguai, acontecidos entre o século 17 e 18).

A maravilhosa fachada da entrada

A recepção é ampla e muito bem organizada, há um espaço delicioso para fotos, alguns exemplares sobre a história da região, a bilheteria, e um espaço dedicado ao filme The Mission (1986) que relata a história do Padre Jesuíta Gabriel (atuado por Jeremy Irons) que recebeu a missão de converter as tribos Guaranis ao Cristianismo. O filme recebeu 8 indicações para o Oscar (link do trailer oficial da Warner Bros aqui), além de contar com a participação de Robert De Niro (adoro os filmes desse cara). E para quem for assistir, poderá contar com belas imagens das Cataratas do Iguaçu!

Palominha divando na recepção (veja mais fotos no Insta dela clicando aqui)

Algumas informações importantes que encontramos na bilheteria são: O atendimento é, diariamente, das 16h às 22h; a entrada normal custa R$ 18, para crianças entre 2 e 11 anos, idosos brasileiros e estudantes brasileiros custa R$ 9 reais (mas, para os pagantes, inclui-se R$ 1,30 que será destinado ao Fundo Iguaçu). Aos moradores da cidade (assim como eu e Palominha) que apresentarem comprovante de residência e documento com foto não pagam! (Palominha quase perdeu seu título de eleitor antes de irmos kkkkk)

Assim que passamos da bilheteria podemos conhecer a lojinha de souvenirs, que é uma graça! Cheia de bichinhos fofos, canecas lindas (sou viciado em canecas para café!), imãns de geladeira (sou colecionador, então já sabe né haha) além de muitas opções de lembranças sobre o local!

Vila cenográfica das Missões Jesuíticas

Saindo da lojinha encontramos um patio aberto com uma bela fonte (que rende lindas fotos!) e o acesso ao atrativo em memória ao desbravador Álvar Núñes Cabeza de Vaca!

Este espaço reproduz um conteúdo super interativo sobre a história do primeiro homem branco a avistar as Cataratas do Iguaçu, que ocorreu em 31/01/1542. Imagine só a surpresa que ele teve! Mas há muita história para saber neste memorial dedicado ao Cabeza de Vaca, como por exemplo, o fato dele ter desembarcado na Flórida em 1528, quando sobreviveu a uma empreitada pelo território americano, onde foi um entre 22 sobreviventes de uma expedição inicial de 600 homens (mas que no final foi preso pelo próprio povo, em sua terra de origem, por má administração de sua campanha).

O espaço também conta sobre os tratados internacionais sobre as três fronteiras, a fundação da Cidade de Foz do Iguaçu e o próprio Marco das Três Fronteiras. Vale a pena apreciar o conteúdo!

De acordo com o muro lá no fundo, eu e Palominha estamos da mesma altura, sqn (risos)

Passando por baixo de um arco característico do período Jesuíta, encontramos ele: O Marco Brasileiro! Ele é um Obelisco de Pedra pintado nas cores da Bandeira do Brasil, que foi inaugurado em 1903 por, nada mais nada menos que, MArechal Cândido Rondon e Dionísio Cerqueira. Dali é possível avistar o Marco Argentino que fica as margens do Rio Iguaçu e o Marco Paraguaio que fica as margens do Rio Paraná. Estes também, pintados com as cores de suas bandeiras (em breve eu e Palominha iremos visitar cada um deles e compartilhar as experiências com vocês).

O Marco Brasileiro

Há um incrível show de águas (que é tão lindo de dia quanto a noite) em volta do Marco Brasileiro, perfeito para Selfies, Stories e Snaps! Um amplo mirador foi construído adiante, que dá maior visibilidade ao Rio Iguaçu e ao Rio Paraná. Eu já confessei a vocês sobre como sou apaixonado pelas paisagens naturais. Então, é incrível saber que, pertinho dali, o Rio Iguaçu desce das Cataratas do Iguaçu, além de o Rio Paraná descer das comportas da Hidrelétrica Itaipu Binacional. Louco né? Esse encontro de águas terem em sua proximidade dois lugares incríveis como as Cataratas e a Itaipu.

Rio Iguaçu na esquerda, desembocando no Rio Paraná (direita)

Além de um imenso playground para a criançada se divertir, você, sua família, amigos ou seu mozão, poderão degustar pratos incríveis no restaurante Cabeza de Vaca (não que exista um prato de cabeça de vaca, é apenas em memória ao desbravador já citado!).

Ta ligado?

No nosso Instagram estamos postando fotos exclusivas diariamente sobre o local, vale a pena conferir, estão incríveis! E não se esqueça do vídeo que será publicado sexta feira dia 24/02, em nosso canal no Youtube, especialmente sobre o Marco das Três Fronteiras, mostrando em detalhes o visu incrível do local, com direito a um pôr do sol inesquecível!

Ta bonito né?

O pôr do sol que apreciamos ali é digno de ser eleito um dos 10 mais lindos do Brasil pelo site Skyscanner. Nós, antes de chegarmos ao Marco, estávamos achando que iria chover, mas, recebemos um presente de Deus, o pôr do sol mais lindo que já vi em minha vida! Na realidade choveu, mas não em nós (risos), chovei no Paraguai e reproduziu um efeito rosa da água caindo durante os últimos raios solares. Foi realmente impressionante! Todos ficaram de queixos caídos.

Por um lado foi bom que choveu (no Paraguai), deixou a foto mais bonita! hehe

Logo ao anoitecer o lugar se transformou em algo novo, um show de iluminação nos fez ficar babando (eu e Palominha amamos efeitos de luz e sombra, então já viu né?!). Todas aquelas paredes reproduzindo as Ruínas Jesuítas, agora com luzes amarelas e, as árvores lá de fora com luzes verdes, tornaram o lugar um espetáculo em si.

A noite o lugar fica muito charmoso!

Além de uma linda apresentação de coreografia que reproduzia danças típicas dos colonizadores europeus. Um espetáculo a parte!

Dança das águas iluminadas!

O lugar estava cheio o tempo todo. Realmente a vontade era de ficar ali mais (até o tiuzinho da segurança pedir pra gente sair), mas o cansaço bateu forte (eu e Palominha estávamos numa maratona de trabalho desde as 07h da manhã) e então fomos pra casa (mentira, nós passamos comer pizza, risos).

Já disse que adorei a iluminação?

A minha cunhada Poliana (que é a irmã gêmea da Palominha)  é fotógrafa ultra profissional, fez a maior parte dos registros que, diga-se de passagem, ficaram incríveis! Portanto, fica a dica de, quem vir conhecer a Tríplice Fronteira, contratar-la para registrar seus melhores momentos na Terra das Cataratas, inclusive no belíssimo Marco das Três Fronteiras (link do fanpage da Poli aqui e do Insta dela aqui).

Na saída. (eu queria ficar mais!)

Pessoal, esse foi nosso primeiro registro sobre o Marco das Três Fronteiras (site para compra dos ingressos e outras infos aqui). Espero que tenham gostado, assista ao vídeo no canal do Youtube dia 24/02! Comentem a baixo o que chamou atenção, envie o link do artigo para seus amigos, para que eles também possam conhecer mais sobre essa maravilha incrível do nosso país! Além, de claro, curtir nossas redes sociais!

Foi simplesmente inesquecível! S2

Em breve novos, e incríveis materiais, sobre pontos turísticos da nossa maravilhosa Terra das Cataratas! Esse lugar surreal que vivemos, onde está repleto de destinos turísticos, ricos de conteúdo e beleza, em uma região tão pequena e cheia de diversidades culturais!

Um abraço, Bruno Marangoni, um Jovem Nômade.

Bem-vindo ao estilo de vida: Jovem Nômade!

Amamos o que fazemos, amamos nosso estilo de vida Jovem Nômade e queremos compartilhar isso com você através de nossas experiências. Nos comprometemos a registrar tudo o que vivenciarmos e compartilhar com vocês através de nosso Blog e de nossas redes sociais:

Comments

comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *